5 ações simples para ser um profissional disputado em 2015

5 ações simples para ser um profissional disputado em 2015

Profissional disputado: Mercado deve valorizar quem se adapta rapidamente a mudanças em 2015.

2015 pode ser uma ótima oportunidade para preparar uma nova fase na sua profissão. Só não vale transformar objetivos reais em “resoluções” abstratas.

O alerta é de Alexandre Slivnik, autor do livro “O Poder da Atitude” (Editora Gente, 2012). “Muita gente usa o ano novo como uma desculpa para adiar decisões. É como a velha história da dieta, que só começa na segunda-feira”, afirma.

Segundo ele, é importante estabelecer prazos para cada meta. “Traga para a esfera prática pelo menos o primeiro passo. Pense nas pessoas que você precisa acionar, cursos que precisa fazer, e estabeleça datas-limite”, diz Slivnik.

Para garantir o seu sucesso, também é importante prestar atenção à realidade domercado de trabalho em 2015 – um ano de “cinto apertado” para a maior parte das empresas em função da economia.

Ceder ao pessimismo, no entanto, não é uma boa ideia, segundo Rodrigo Soares, diretor da consultoria Hays. Para ele, momentos críticos sempre geram oportunidades para quem sabe aproveitá-los.

“Há dois tipos de profissionais: os que fazem parte do problema e os que fazem parte da solução. O ano que vem deve premiar quem estiver no segundo grupo”, afirma Soares.

A seguir, veja alguns conselhos para se destacar no mercado no ano que chega:

1. Abrace os problemas
Para Slivnik, assumir os problemas que se apresentarem – mesmo que sejam alheios – é essencial para se destacar. “As empresas não vão querer aqueles que ficarem se lamentando pelas dificuldades de 2015 ou culpando variáveis externas por tudo que der errado”, diz Soares. Resiliência continuará sendo uma palavra de ordem para o mercado.

2. Tenha humildade para aprender
“O ano que vem obrigará as empresas a ter equipes mais enxutas, o que levará muita gente a acumular funções”, diz Soares. Nesse contexto, a versatilidade e a abertura para aprender atividades novas serão muito valorizadas.

3. Esteja pronto para mudanças 
Diante de uma crise interna, mais de 49% das empresas querem funcionários com alta capacidade de adaptação, segundo um recente estudo da Hays. “O mercado vai precisar de pessoas prontas para se adequar a transformações rápidas, sem perder o ritmo da produção”, diz Soares.

4. Descubra a causa da sua empresa
Independentemente do seu departamento ou função, é preciso mostrar que você se considera parte do todo. Daí a importância de saber qual é a missão do seu empregador, e incorporá-la ao seu dia a dia. “As empresas devem valorizar mais quem se prova comprometido com a sua causa”, diz Slivnik.

5. Invista como nunca em relacionamento
Soares afirma que ter boas habilidades de relacionamento interpessoal sempre foi e continuará sendo importante em 2015. “É essencial se dar bem com colegas e chefes, e entender que ninguém consegue superar dificuldades sozinho”, diz ele.

 

Fonte: Claudia Gasparini, de EXAME.com

Próxima Postagem:
Postagem Anterior:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *