Presidente do SINADMA concede entrevista à TV Guará em Alusão ao Dia do Administrador

Presidente do SINADMA concede entrevista à TV Guará em Alusão ao Dia do Administrador

Como forma de homenagear toda a categoria que celebrou o Dia do Administrador nesta sexta-feira, dia 9 de setembro, o Presidente do Sindicato dos Administradores do Maranhão (SINADMA), Pierre Januário, foi convidado pelo apresentador Gregório Guimarães para falar dos desafios da profissão e esclarecer o importante papel do Sindicato para os profissionais da administração. A entrevista foi ao ar neste domingo (11) no programa Manhã de Negócios da TV Guará, filiada da Record News, canal 23 em São Luís.

Atualmente, Pierre também atua como Secretário de Estado de Programas Especiais e explicou a luta do SINADMA no âmbito nacional, estadual e municipal para valorização da categoria. “O administrador aprende na academia ou nos cursos técnicos sobre variadas áreas, ele é especialista para exercer de forma mais capacitada funções administrativas no campo profissional. Desta forma, está apto para trabalhar em diversos papeis dentro de uma empresa ou organização, funções estas que ainda estão sendo ocupadas por outros profissionais que não são administradores. Esta é uma de nossas grandes lutas, estamos nos organizando junto a órgãos governamentais para que os interesses dos administradores sejam percebidos e atendidos e que eles possam ocupar estes espaços”.

O presidente destacou ainda sobre o desafio do SINADMA para reconhecimento destes profissionais. “Agimos para melhoria das empresas entendendo que o administrador precisa ser valorizado, ele foi treinado para justamente otimizar os processos e gerenciar estas organizações. O papel do SINADMA é representar o profissional, sendo um mediador entre o padrão e o empregado, defendendo os direitos do trabalhador. O diálogo é fundamental para solucionar os conflitos. Ainda encontramos muita dificuldade porque a maioria não entende que o Sindicato é esse apoio que cuida do profissional e algumas empresas nos olham como inimigos, porém somos apenas uma forma de organizar a categoria que é muito grande e coloca por ano, só no Maranhão, mais de mil profissionais no mercado. As questões sindicais ainda são um assunto desconhecido e que não estão pautadas nas instituições de ensino”.

Para finalizar, Pierre orientou os profissionais de como superar a crise financeira que o Brasil vive. “Nós escolhemos esta profissão para contribuir para o país melhorar, portanto é preciso ter resiliência durante esta crise, nos manter firmes e aprender com nossos erros para que quando as coisas melhorarem possamos voltar mais fortes e reinventados. Uma forma de minimizar os erros é estudando, conhecimento nunca é demais e nos ajudará a criar negócios, gerenciar e organizar melhor os processos, a leitura deve se tornar um hábito contínuo”.

Próxima Postagem:
Postagem Anterior:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *